Conta-me como foi ...

 

Quando o preto da capa traçada se juntou à luz de um sorriso, banhado em copos e guitarradas, eis que surgiu então a verdadeira essência de ser tunante, o orgulho infinito de poder dizer que algum dia já fui uma Feminina.

Foi assim, numa noite como tantas outras, que um grupo de amigas deu asas ao coração, bebeu um trago de inspiração e tocou à luz da lua as primeiras notas de um destino tão apetecido.

­

Foi então, em Fevereiro de 1996 que tudo começou, e foi no dia 10 de Maio do mesmo ano que aconteceu a nossa estreia, a qual ocorreu na carismática sala de alunos da Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa.

As notas primeiro, depois uma música, um copo à mistura e um sorriso maroto, os anos passando e agora somos cerca de 50, no mesmo espírito e na mesma dedicação. Deixando às que entram vontade de ficar e àquelas que se ausentam, a eterna saudade de sempre voltar...

Somos uma tuna com 20 anos de existência, que tem levado aos "4 cantos" do país o Espírito Académico e o orgulho de fazer parte da Tradição da Música Portuguesa e da Vida Universitária.

No coração, levamos a sensação de algo que jamais morrerá...

Uma vez Feminina, Feminina até ao fim...

­

https://scontent.flis5-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/47221352_10156993449478615_6429703274907041792_n.jpg?_nc_cat=102&_nc_ht=scontent.flis5-1